Followers

sábado, 20 de fevereiro de 2016

Meia arco-íris, continuação....

Um bom Sábado para todas (os)!
No último poste mencionei que para além da manta ainda tinha outro trabalho em tricô. Sim, a meia arco-íris que tinha mostrado aqui depois de mostrar as peúgas do marido.

Hoje finalmente acabei a primeira! Ufa! A lã é bonita... Mas de espessura irregular! A cor branca e azul é mais grossa do que as outras cores. Tem sido um cair e apanhar malhas sem fim. Ainda não me tinha acontecido. Para grandes males grandes remédios, agora tenho sempre uma agulha de croché á mão apanhar as malhas que me caem.

Aqui está ela, a bela!
Bom, estou contente por "JÁ" ter a primeira acabada depois de algumas arrelias com a lã!
Mais uma foto....
As cores ao natural são bem mais bonitas. Talvez quando a segunda meia estiver pronta haja sol para eu poder tirar com mais claridade. Assim que acabei a primeira comecei logo a segunda que já se encontra nas agulhas. Ora vejam!

Agora toca a dar ao dedo! Hihi.....
Aprendi a fazer as meias com cinco agulhas. Com o tempo cheguei á conclusão que: se no inicio eu distrubuir as 64 malhas só por três agulhas torna-se muito mais fácil tricotar as malhas. A minha amiga Lete do Bordalinhas comentou comigo que também tricota só com quatro agulhas. Agora eu vou fazer a experiência! Irei fazer até ao calcanhar só com quatro agulhas para ver se é mais rápido. A seguir penso que terei que voltar a tricotar com as cinco agulhas. Bom, depois logo vos digo!
Vou tentar acabar a segunda tão rápido quanto possivel pois para Março irei começar outro par. Mais adiante darei mais informações. Até breve e fiquem bem! 

Beijinho amigo da *capinha*

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Continuação da manta....

Olá, aproveito uns dias em casa para ir fazendo na minha manta aqui. Tenho feito outros trabalhos como vos tenho mostrado por isso ainda  só está com 16 quadrados.
Bom, neste momento um quadrado de quadrados!
Estou a gostar do efeito pois eu tenho unido os quadrados com "sistema". Espero que dê para ver! Como no quadrado perfeito vídeo os pontos de um lado ficam na vertical e os outros na horizontal eu aproveitei e fui unindo assim. Quadrados que formam ainda mais "quadrados". Um efeito óptico giro!

Aqui a união do "fim" de quatro quadrados.
 Este trabalho é fácil de fazer.  Como se vai sempre a diminuir dá gosto fazer cada ver mais. As voltas vão ficando cada vez com menos malhas e aí ganho ânimo para acabar o quadrado.

Nesta foto a junção de quadrados com os "remates" no meio dos quadrados.
Tenho um pouco de dificuldade em explicar o sistema que adoptei para juntar o quadrados. È só seguir a  lógica do "jogo" e brincar aos quadradinhos.  
Em breve mostro um outro trabalho também em tricô que anda a ficar para tráz, mas estou decidida a meter-lhe as mãos de novo. Quem adivinha o que é? Uma dica: Há uma postagem acerca deste trabalho. Fácil de adivinhar, não é mesmo?

Olha eu daqui a uns anos! Não sei se serei assim tão rápida. Vou treinando....hihi
 Beijinhos, até mais. Fiquem bem *-*

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Mantinha

Olá, cá estou eu de novo com um trabalho acabado hoje . Uma mantinha para a bébé que aí vem como referi no poste anterior.

Aqui está ela!
Esta mantinha tem história! Há bem pouco tempo houve saldos de inverno a preços tentadores, eu aproveitei e ("VOLTEI A PECAR") encomendei pela internet entre outras lãs 3 novelos de linha cor-de-rosa, muito linda. Quando recebi a confirmação da encomenda já não havia muito em estoque. Em todo o caso os 3 novelos vieram para grande alegria minha. Claro, logo que me foi possivel pus mãos á linha e agulha e toca a fazer este ponto muito fácil e bonito. Para minha grande arrelia ao fim de um novelo cheguei á conclusão de que as 300 gramas nunca chegariam para a mantinha. Eu queria fazer 80cm por 80cm. Ainda tentei encomendar mais uns novelos mas em vão, já não havia mais. 

De pertinho dá bem para ver o ponto. Gosto mesmo muito!

Como eu sempre gostei muito de matemática, até nem me chateei a fazer contas e mais contas. Contei as carreiras medi e voltei a medir. Procurei ainda outros pontos para utilizar, utilizei outros números de agulhas,  enfim uma comédia que só visto. Como rosa e branco é sempre uma combinação muito harmoniosa e neste país nunca há falta de lãs e linhas comprei uns novelos em branco.  Depois de um faz e desfaz lá arranjei solução para mais esta aventura. Foi mais difícil idealizar do que realizar!
Não sou de desanimar bem pelo contrário,  até me faz bem puxar pela cabeça e por vezes pelos cabelos para seguir em frente. Estou muito feliz com o resultado, até talvez tenha ficado mais bonita do que se fosse toda só em cor-de-rosa. Aprendi ainda que; para uma mantinha bébé (80X80) são necessárias quase 500 gr de linha trabalhada com agulha número quatro. Bela lição!

O arremate bem simples. Duas voltas de ponto baixo em branco e uma em rosa.
Estava mesmo com vontade de ver mais um trabalho terminado. Só perto do nascimento é que a mamã irá receber a mantinha mas de certeza que esta não irá sem companhia. È tão bom fazer trabalhinhos para bébé!
Agora vou me dedicar a outros trabalhos que devido ao tamanho vou intercalando com outros mais pequenos para ter a satisfação ver algo acabado.
Em breve mostrarei mais, até lá!...........Fiquem bem!  Beijinhos      *capinha*


segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Vem aí.....

Uma menina a caminho. Não, não irei ser mãe de novo.  Uma colega minha está grávida e agora que sabe que é uma menina "tive" que fazer umas SUPER MINI meias!
 Ora vejam:

Em rosa, tinha que ser! Aqui com o cano dobrado.
Tive imenso prazer em as tricotar, pois tão pequeninas são uma gracinha. Foram feitas com 28 malhas ou seja cada agulha levou 7 malhas. No início tive que fazer só com 4 agulhas isto é as 28 malhas foram repartidas por 3 agulhas pois com 4 era muito difícil devido ao número reduzido de malhas.
Este trabalho foi feito com agulhas mais curtas tinham 15 cm, as regulares têm 20cm mesmo assim foi um desafio á paciência.
 
Em cima uma das agulhas com que fiz as meias.
Assim dá bem para ver a diferênça entre os tamanhos. Com as maiores seria quase impossivel trabalhar as 28 malhas.

Fiz o cano um pouco alto demais, mas como mostrei em cima dá para dobrar.
Dá a sensação que são demasiadas pequenas mas segui á risca as instruções da tabela com o tamanho para recém-nascido. Tabela que colacarei no final desta postagem. Como o cano foi feito em canelado (ou seja uma meia, um trico) tem alguma elasticidade. Dá para enfiar três dedos meus.
  
Penso (e espero) que a bébé não tenha a perninha mais gorda do que os meus três dedos.
 Esta lã é própria para bebé, é muito macia. Bom isto é só um começo pois tenciono fazer mais alguns trabalhos. Espero em breve poder mostrar mais "coisinhas" para a bébé.

A tabela com os tamanhos. Aqui o calcanhar "Bumerang" é a maneira como a Lete do Bordalinhas   faz. 
Eu trabalho o calcanhar de outra forma.   Fiz um erro qualquer que só escrevo aqui na legenda. Sendo assim termino por hoje. Caso alguém queria algum exclarecimento é só entrar em contacto comigo. Ajudarei com prazer. Beijinhos até breve