Followers

domingo, 31 de maio de 2015

Florinha, minha!

Olá e bom Domingo!
Fugindo ao que me dispus a fazer, ou seja não começar mais nada antes de terminar o que está em lista de espera. Hoje resolvi que: imposições a mim mesma também podem ser "quebradas" caso haja um bom motivo para isso.
Eu explico: "Era uma vez uma moldura que aguardava destino!"

Esta moldura também aguardava por vez! Não encontrava uma foto que correspondesse a tão pequenas dimensões.




E lá estava ela no móvel quietinha e paciente esperando. De vez em quando, quase como que por telepatia chamava-me á atenção e eu não encontrava solução para esta "belezinha".

Chegou hoje o dia e hora em que decidi resolver o assunto de vez ! Procurei nos meus ficheiros por uma flor que se adaptasse ás suas dimensões! Como quem procura encontra, agora aqui mostro-vos uma adaptação que eu passei para papel.

Um esquema bem simples!

Quis bordar algo que se terminasse num "abrir e fechar de olhos" Fui buscar as minhas sobras e sem muito escolher ou pensar peguei na agulha e na linha.
Passado pouco mas mesmo pouco tempo vejam como ficou!

Simples, muito simples!



O espaço não dava para esquemas muito elaborados.
Juntei o útil ao agradável e assim resolvi mais um caso que parecia "perdido".

Et voilá! Cá estão elas!

Sim, elas! A moldura e a florzinha. Espero que a moldura esteja feliz com a sua companhia.  Eu estou simplesmente satisfeita em ter mais um trabalho terminado!

Agora colocada de pé!

Por vezes eu "enrolo" até que de repente dá-me uma genica e tenho que fazer no dia, se possivel na hora e não dá para esperar mais. A história desta moldura é um exemplo bem claro destes meus impulsos repentinos.

Para terminar este poste de hoje deixo-vos esta mensagem com muito carinho:










Beijinhos e uma semana com muitas coisas boas!

2 comentários:

  1. OBRIGADA, pela visita! 🐝
    Para si um bom dia 🌞 e uma rosinha com muita amizade🌹
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Agradeço o seu comentário. Volte sempre!